Amigo Construtor Ensina

Mãos à obra: 6 ferramentas para pedreiro essenciais em uma construção

FacebookGoogle+TwitterLinkedInWhatsApp
refacao-maos-a-obra-6-ferramentas-para-pedreiro-essenciais-em-uma-construcao.jpeg

Você já imaginou como um pedreiro é importante para o sucesso de um projeto? Eles são os grandes colaboradores da obra, já que estão envolvidos em todas as etapas, desde a base até o acabamento.

É impossível para os pedreiros exercer bem uma tarefa com equipamentos inadequados. Então, vamos te mostrar seis principais ferramentas para pedreiro utilizadas em uma obra e como é o uso delas. Confira!

Ferramentas para pedreiro e algumas dicas de conservação

1. Colher de pedreiro

É utilizada em diversas atividades, como trabalhos com argamassa, execução de alvenaria e chapisco. É uma ferramenta manual considerada a melhor amiga dos pedreiros, pois é usada para facilitar a aplicação e o arremate de cimento e outros tipos de massa — tanto para assento quanto para revestimento.

Para sua conservação é indicado uma limpeza com água corrente e detergente ou sabão neutro, com o intuito de retirar todos os resíduos que a colher de pedreiro possa conter. Além disso, é importante guardá-la em local seco e arejado, para evitar a oxidação.

2. Desempenadeira

A desempenadeira é uma ferramenta que tem como principal função alisar, desempenar e nivelar a superfície já coberta com argamassa ou concreto.

Dica de conservação: retire o excesso de massa com uma espátula e faça a limpeza com água corrente, detergente neutro e uma bucha macia.

3. Trena

A trena é utilizada para coleta de medidas na obra, conferência de distâncias, altura de janelas e portas, entre outras medidas. Pode ser metálica ou de fibra de vidro, com diversos comprimentos — variam de 1 a 100 metros. 

Como a trena é um instrumento muito utilizado, ela pode apresentar defeitos mais frequentemente. Por isso, é importante evitar torcer e dobrar a fita, especialmente a de aço, além de ter cuidado ao rebobinar a trena, diminuindo a velocidade nos últimos metros.

4. Mangueira de nível

A função dessa ferramenta é verificar como está o nivelamento de paredes, pisos, peitorais de janelas, entre outros.

Para que a mangueira de nível seja eficiente, é necessário que se tenha uma referência de nível entre os locais a serem medidos — nas obras, em geral, essa medida é de 1 metro acima do nível do piso.

Não se esqueça de enrolar a mangueira antes de guardá-la, evitando que ela se quebre e o líquido vaze. Além disso, não a deixa exposta ao sol, pois ela acaba ressecando e perdendo sua utilidade.

5. Esquadro

O esquadro é uma régua em formato de L, que possui ângulo interno de 90°, usado pelos pedreiros para conferência de ângulos retos na locação de terrenos, orientação de assentamentos e de alvenarias, cerâmicas e azulejos.

Como não tem contato com argamassas ou cimento, a limpeza pode ser feita com um pano úmido somente. Para melhor conservação, é indicado que ele seja armazenado em local seco, evitando a oxidação.

6. Trinchas e broxas

A trincha é usada para molhar as superfícies, especialmente assentamentos de cerâmicas e rebocos. Para que essa ferramenta seja de qualidade, ela não pode deixar estrias.

Já as broxas são ferramentas semelhantes as trinchas, mas possuem a diferença no uso: são indicadas para trabalhos de limpeza dos mais diversos tipos de superfície e pintura com tinta à base de cal ou cimentícia.

Dica de conservação: tire todo o produto das trinchas e broxas com água corrente e sabão neutro ou solvente — dependendo do produto aplicado. Deixe as ferramentas secarem em local fresco e arejado.

Mas, e a segurança?

Vale relembrar ainda um item de muita importância e que, muitas vezes, acaba sendo esquecido: a segurança.

Não se esqueça de como é fundamental estar preparado para qualquer contratempo que possa vir a acontecer no trabalho e pode acabar resultando em problemas mais graves. Você deve estar se perguntando: como fazer isso? Com o uso de equipamento de proteção individual (EPI).

O EPI reduz o risco de acidentes com as ferramentas usadas e também garante que o pedreiro esteja em total segurança para realizar todas as etapas da obra. Agora, vamos as ferramentas!

Gostou de conhecer algumas das ferramentas para pedreiro usadas em uma construção? Então qual tal aliar esse conhecimento à segurança e ler o nosso artigo sobre EPI’s obrigatórios em uma obra? Até a próxima!

Tags:, , , ,
veja-5-dicas-para-uma-boa-pintura-residencial.jpeg

Veja 5 dicas para uma boa pintura residencial

Amigo Construtor Ensina
torneira de água quente

Aprenda agora como instalar uma torneira de água quente

Como se faz