Amigo Ensina

Marcenaria: conheça essa arte que está em cada vez mais casas

03 de fevereiro de 2020
FacebookTwitterLinkedInGmail

Você já pensou em trabalhar com marcenaria? Esse trabalho envolve a confecção e o reparo de móveis e peças de madeira.

É um trabalho que requer paciência, arte e delicadeza, por isso o marceneiro é considerado não apenas um profissional, mas também um artista que transforma a madeira em diversos tipos de móveis e utilidades.

O trabalho de marcenaria requer criatividade, conhecimento de tendências de mobiliário e de decoração, além de conhecimento dos materiais e das técnicas empregadas.

Entre essas técnicas estão a elaboração de projetos, cálculos, cortes e acabamentos. Ou seja: essa é uma profissão para quem gosta de criar e de estudar.

Confira algumas das ferramentas que são fundamentais em qualquer marcenaria*.

Como ser um marceneiro

O marceneiro profissional irá criar, confeccionar e reparar móveis a partir de desenhos e especificações técnicas. Ele deverá aprender a ler projetos para executá-los da maneira correta.

Por isso, apesar de as leis brasileiras não exigirem formação técnica na área, é importante buscar especializações por meio de cursos de qualificação.

Existem diversos cursos no mercado para quem quer se profissionalizar. Além disso, você pode começar trabalhando em marcenarias, como aprendiz de marceneiro, e ir subindo de nível conforme o seu aprendizado.

Também existe a possibilidade de aprender o ofício como como aprendiz em marcenarias e fábricas de móveis, mas essas vagas estão cada vez mais escassas.

Como este é um mercado sempre em evolução, é fundamental se manter antenado e nunca parar de estudar. Isso porque sempre surgem novas tendências, materiais, técnicas e tecnologias para a produção de móveis e itens de madeira.

Mercado da marcenaria

A marcenaria é uma profissão que está em ascensão no Brasil e no mundo. Com cada vez mais pessoas vivendo nas cidades e o aumento no número de casas pequenas e construções verticais, a demanda por móveis planejados também tem crescido.

Além disso, os consumidores estão mais exigentes e buscando por móveis personalizados e de qualidade. Isso faz com que a concorrência de grandes lojas, que sempre foram os maiores competidores dos marceneiros, diminua.

Assim, nos últimos anos, as pequenas marcenarias se estruturaram e especializaram, sendo hoje responsáveis por boa parte do mercado de móveis planejados.

Quem está iniciando nessa profissão pode começar como aprendiz em marcenarias, fábricas de móveis planejados etc. Com o tempo e a experiência, você pode subir de cargos (meio-oficial, oficial, marceneiro).

Outra opção é trabalhar como autônomo, abrindo sua própria marcenaria. Neste caso, você precisará de um espaço para realizar o trabalho, onde possa guardar e manusear seus equipamentos, ferramentas e materiais.

Além disso, você não deve se esquecer de regulamentar a sua marcenaria, mesmo que seja uma “de garagem”, registrando-a como pessoa jurídica. Para te ajudar com isso, o SEBRAE ensina o passo a passo para abrir a sua própria marcenaria.

Quanto ganha um marceneiro

O salário de um marceneiro flutua de acordo com algumas variáveis: o nível do marceneiro, a qualidade do produto que oferece, a região em que atua etc.

No entanto, segundo o site Vagas.com, o meio-oficial marceneiro recebe, em média, um salário de R$ 1.581,00. Já o site Glassdoor informa que o marceneiro ganha, em média, R$ 2.189,00 por mês.

Se você trabalhar como autônomo ou microempreendedor, seus ganhos podem ser ainda maiores. Mas isso varia de acordo com a sua região, trabalho e determinação em empreender.

Profissão de risco

Se você quer trabalhar como marceneiro, é importante saber que segurança deve ser a prioridade no dia a dia.

A marcenaria também é uma profissão de risco, uma vez que o marceneiro trabalha com equipamentos, maquinário e materiais que podem causar acidentes e até intoxicação, como serras, vernizes, colas e manuseio de peças pesadas.

Por isso, é fundamental conhecer e praticar as normas de segurança do trabalho. Isso também vale para quem tem a marcenaria apenas como um hobby.

 

Quer aprender mais sobre as profissões da Construção Civil? Então continue acompanhando o Amigo Construtor!

Com informações do Guia do Construtor, SEBRAE e agências.
*Imagens: Empoeirados, Divulgação

Posts Recentes

Newsletter

Posts recentes
Banner