Rede do Amigo

Grandes Construções: conheça o Viaduto 13

11 de fevereiro de 2021
FacebookTwitterLinkedInWhatsApp
Viaduto 13

O Viaduto 13 é o viaduto ferroviário mais alto das Américas e um dos mais altos do mundo. Construído pelo Exército Brasileiro no período da ditadura militar, essa construção tem 143 metros de altura e 509 de extensão.

Também chamado de Viaduto do Exército, o Viaduto 13 tem esse nome porque é o décimo terceiro de uma sequência que começa no centro de Muçum. Ele faz parte da Ferrovia do Trigo, a EF-491, no trecho entre os municípios de Vespasiano Corrêa e Muçum, no Rio Grande do Sul.  A Ferrovia do Trigo liga as cidades gaúchas de Roca Sales e Guaporé e foi construída com o objetivo de viabilizar o escoamento da produção agrícola de soja e trigo, que era grande na região.

A construção

Construção do Viaduto 13

O Viaduto 13 começou a ser construído em 21 de junho de 1975, porém seu projeto já estava pronto desde o fim da Segunda Guerra Mundial. Para que fosse realizada, a obra contou com uma grande participação de funcionários do exército: 40 oficiais, 90 subtenentes e sargentos, e 480 praças. Mas a maioria da mão de obra era formada por civis: 700 funcionários e 1,2 mil contratados.

A obra utilizou o processo de formas deslizantes na construção dos pilares, e de treliças no tabuleiro. Além do viaduto férreo,  também foram construídos 32 túneis no trecho. A obra foi construída em três anos, sendo inaugurada pelo presidente do Brasil à época, Ernesto Geisel, em 19 de agosto de 1978.

Muitas lendas ainda persistem, alimentadas pelos moradores locais, sobre mortes durante a construção. Segundo eles, vários corpos teriam caído e foram concretados nas colunas do viaduto. Porém, os registros oficiais apontam sete mortos durante a construção. Seis delas ocorreram quando oito funcionários se acidentaram, dos quais seis vieram a morrer, em 1976.  Um militar morreu ao cair de um andaime já no fim da obra. Segundo uma testemunha, o oficial não estava usando o cinto de segurança e estava apoiado em um mastro que caiu, o levando a uma queda de 90 metros.

Viaduto 13 hoje

Viaduto do Exército

A construção do Viaduto 13 trouxe um grande impacto para a economia local. Mas atualmente, no máximo um trem ainda corre sobre estes trilhos por dia, durante a madrugada. Por isso, muitas pessoas se aventuram a ir até o local a turismo, para passear sobre os trilhos, dentro dos túneis e até mesmo subir até o alto do viaduto. Alguns ainda utilizam a construção para a prática de esportes radicais, como rapel e base-jumping.

Gostou de conhecer mais sobre o Viaduto 13? Então confira também outras Grandes Construções do Brasil e do mundo!

 

Com informações do Jornal a Hora, Comando Militar do Sul e agências de notícia.

Tags: , ,

Mais vistos: