Tendências

Porcelanato líquido: o que é e como aplicar corretamente? 

blank

O piso de um ambiente é um dos principais aspectos que dão cara a um ambiente, mas a sua escolha não pode levar apenas a estética em consideração. Hoje, muito se fala sobre durabilidade e praticidade do piso, e o piso de epóxi ou porcelanato líquido é uma das opções mais duráveis, e práticas presentes no mercado, além de ser muito fácil de ser aplicado. Por isso, separamos algumas curiosidades sobre porcelanato líquido, e também explicaremos como e onde aplicá-lo.

porcelanato líquido

O que é o porcelanato líquido?

Formado por 3 componentes (resina de poliuretano, catalisador e autonivelante), o porcelanato líquido quando aplicado parece um piso de cerâmica, porém não tem nenhuma junção ou rejunte. Isso impede o acúmulo de sujeiras entre os pisos, que normalmente são as principais causas do acúmulo de fungos e bactérias no piso. Desse modo, o porcelanato líquido se torna uma opção muito mais higiênica que os pisos comuns. Ao ser aplicado, o porcelanato líquido forma uma pequena camada que varia de 1 a 5mm em relação à superfície na qual foi utilizado, e cria um aspecto brilhoso, que se assemelha a uma cerâmica, de fato, e não a uma resina que é o que ele realmente é.

A aplicação do porcelanato líquido normalmente é feita com um kit, que custa entre 200 a 500 reais, e costuma ser o suficiente para cobrir cerca de 2 metros quadrados. Sendo assim, o metro quadrado desse tipo de revestimento custa de 100 a 250 reais, valor esse que não é muito mais caro quando se compara ao porcelanato comum e todos os custos com a aplicação. 

A sua durabilidade pode variar de acordo com a qualidade do produto e de sua aplicação, mas costuma durar cerca de 10 anos se bem conservado. Esse tempo é equivalente à durabilidade de um piso tradicional, porém com uma facilidade de limpeza muito maior.  

Onde utilizar o porcelanato líquido?

O porcelanato líquido possui propriedades que fazem com que esse revestimento seja impermeável, portanto pode ser exposto à umidade. Com isso, o porcelanato líquido pode ser utilizado no banheiro, em cozinhas e em áreas de serviço. 

Além disso, outro ponto é que, pela ausência de rejuntes e junções, é mais fácil e prático de limpar, mas claro, atentando-se ao tipo de produto de limpeza que será usado, já que algumas substâncias são nocivas a esse tipo de revestimento. Ele pode ser utilizado em qualquer cômodo interno e externo da casa, já que, além de impermeável, ele possui proteção contra os raios ultravioletas (ou raios UV) e possui também propriedades antiderrapantes, podendo ser utilizado em garagens, por exemplo. 

Por outro lado, quanto maior a área em que for aplicar, mais agilidade terá de ser feito o processo, pois por se tratar de uma espécie de resina, ela endurece muito rapidamente. Com, isso pode ser necessária uma nova aplicação. Outro ponto é que, com esse material, podem ser feitas diversas artes diferentes, e até mesmo criar um efeito de porcelanato líquido 3D, podendo, assim, criar várias paisagens no seu piso e que ornamentam o design do ambiente como um todo.         

Como aplicar? Passo a passo

Para a aplicação do porcelanato, assim como qualquer tipo de resina, é necessária uma superfície limpa e com a menor quantidade de irregularidades quanto possível. Por isso, não é recomendada a aplicação sobre pisos danificados ou que possuam irregularidades significativas, como uma superfície de ripas ou tacos de madeira. 

Outra superfície que não é recomendada é a vinílica, que não vai permitir que o porcelanato líquido se fixe nesse piso e forme um revestimento de forma correta. O piso necessita ser nivelado antes da aplicação, então se houver alguma necessidade de lixar a superfície, isso deve ser feito antes do início da aplicação. Com isso, se houver algum receio por danificar o piso no qual irá ser aplicado a resina, a melhor coisa a se fazer é retirar com cautela antes da aplicação. 

Além do kit, são necessários diversos equipamentos para a aplicação do porcelanato líquido, entre eles alguns equipamentos de proteção individual, para que não se tenha o contato com a pele e gere algum tipo de lesão. As ferramentas e equipamentos necessários são:

  1. Espátula;
  2. Sapato de Prego;
  3. Rodo dentado;
  4. Rolo quebra-bolhas;
  5. EPIs (Equipamentos de proteção individual): luvas, óculos e máscara.

Tutorial de como aplicar porcelanato líquido 

Separamos, de forma sintética e didática, as etapas para a realização do procedimento correto para aplicação de todos os componentes até, por fim, o porcelanato líquido, com o intuito de instruir e esclarecer qualquer dúvida acerca do tema. Todas etapas estão listadas de forma ordenada, abaixo:

  1. Com uma espátula, misture os dois primeiros componentes que vêm escritos no rótulo de forma com que se obtenha uma mistura completamente lisa e homogênea;   
  2. Após isso, aplique uniformemente o primer no piso e deixe curar por 24h;
  3. Depois das 24 horas, limpe e lixe essa área, para que ela esteja apta a receber o porcelanato líquido em si; 
  4. Misture todos os componentes do kit que formam o porcelanato líquido, com o auxílio de um rodo dentado, espalhe pelo por toda a superfície;                      
  5. Em seguida, utilize o rolo quebra-bolhas para uniformizar o porcelanato líquido na superfície aplicada;      
  6. Feche o ambiente (portas e janelas) para que não tenha nenhuma interferência de poeira ou insetos no piso;
  7. Aproximadamente 2 dias é o tempo necessário para o piso secar. No entanto, a superfície só estará apta a receber móveis depois de, no mínimo, uma semana.   

rede do amigo

Enfim, agora que você entendeu e conheceu mais sobre o que é o porcelanato líquido e as suas aplicações, seu leque de opções para a escolha de pisos aumentou. Se você tem ou despertou o interesse por realizar, você mesmo, pequenos procedimentos ou instalações simples, continue de olho no Amigo Construtor, que tem diversos conteúdos técnicos que irão auxiliar na consulta para realizar certos tipos de procedimentos e instalações.

Assuntos relacionados:
Gostou? Compartilhe!
De um a cinco, que nota você dá para esse conteúdo?
E aí, ficou com alguma dúvida ou quer comentar algo sobre esse conteúdo?




    Mais Artigos Sobre Tendências