Cuidados com a Casa

Torneiras, misturadores e monocomando: qual a diferença?

Um item indispensável nas áreas molhadas das residências são as torneiras. Disponíveis em diversos modelos e valores, elas podem dar um toque especial em qualquer ambiente, por isso, a escolha do modelo pode fazer toda a diferença.

Fonte: http://www.diclace.com.br/produtos/metais-sanitarios

 

Saiba mais das torneiras comuns

Consideradas do tipo mais simples, essas torneiras geralmente oferecem apenas água fria. Por isso, demandam somente um ponto de água e podem ser fixadas na bancada ou na parede, tudo vai depender da instalação e do tipo de cuba utilizada.

Torneira de mesa e de parede. Fonte: https://blog.abcdaconstrucao.com.br/metais/torneiras-misturadores-e-monocomandos-qual-a-diferenca / https://blog.abcdaconstrucao.com.br/metais/como-escolher-a-melhor-torneira-para-sua-cozinha-e-banheiro

Também existem as torneiras elétricas, que funcionam como um chuveiro, ou seja, o aquecimento da água ocorre com o uso da resistência, fora da instalação hidráulica.

Por isso, é necessário somente um ponto de água fria. Geralmente, têm estética mais robusta e poucas variações de cores e modelos.

Torneira elétrica: https://www.telhanorte.com.br/torneira-eletrica-220v-para-cozinha-versatil-5500w-branca-e-cromada-lorenzetti-220094/p

 

Conheça os misturadores e como funcionam

Os misturadores apresentam duas opções de temperatura da água, com registros independentes entre si. Diferente das torneiras elétricas, eles exigem que o projeto disponha de água quente encanada, já que não têm dispositivo de aquecimento.

Sua instalação exige de dois a três furos, dependendo da versão. Podem ser instalados na bancada ou na parede.

Fonte: https://blog.abcdaconstrucao.com.br/metais/torneiras-misturadores-e-monocomandos-qual-a-diferenca

 

Monocomando: conheça seu funcionamento

Também conhecida como misturador monocomando, oferece duas opções de temperatura de água, mas somente uma válvula de ajuste: ao movê-la para um lado, a água sai mais quente e, para o outro, mais fria.

O visual é mais próximo ao de uma torneira comum, garantindo praticidade para o dia a dia. Também pode ser instalada na bancada ou na parede.

Fonte: https://www.fani.com.br/dicas/qual-a-diferenca-entre-torneiras-e-misturadores/

Uma particularidade desse dispositivo, é que ele costuma demandar uma pressão maior para funcionar, por isso é necessário consultar se o modelo de sua preferência é o ideal para a sua obra.

Cada dispositivo hidráulico (torneiras, misturadores, monocomandos, válvulas de descarga, chuveiros, duchas e outros), apresentam o indicativo do m.c.a. (metros de coluna d’água) ideal para sua instalação.

Essa unidade de medida define a pressão da água necessária na torneira, indicando a diferença de altura entre o ponto de instalação do dispositivo e o nível do reservatório. Quanto maior a diferença, maior será a pressão no sistema hidráulico.

Fonte: https://blog.abcdaconstrucao.com.br/metais/torneiras-misturadores-e-monocomandos-qual-a-diferenca

 

Escolha o melhor tipo de torneira para a sua obra

Agora que você já sabe a diferença entre esses metais sanitários, o próximo passo é escolher o que é mais adequado às suas necessidades. Leve em consideração os seguintes fatores:

  • Pressão hidráulica adequada para o produto;
  • Tipo de instalação: bancada ou parede;
  • Qual será o modelo da cuba que acompanhará a torneira;
  • A frequência de uso do produto;
  • Qual é o modelo certo para banheiro, lavabo ou cozinha;
  • Seu orçamento na ponta do lápis.

Meu Álbum de Obras

Mariana Ribeiro – Consultoria Técnica InterCement Brasil

 

Assuntos relacionados: , ,
Gostou? Compartilhe!
De um a cinco, que nota você dá para esse conteúdo?

E aí, ficou com alguma dúvida ou quer comentar algo sobre esse conteúdo?




    Mais Artigos Sobre Cuidados com a Casa